Festival 3i, o maior encontro sobre jornalismo digital inovador do Brasil, acontece em outubro no Rio de Janeiro

0

O Festival 3i – Jornalismo Inovador, Inspirador e Independente cresceu. O conselho curador do festival, que já contava com sete organizações, agora é composto por 13 veículos nativos digitais brasileiros. ((o)) eco, Congresso em Foco, ÉNois, Marco Zero Conteúdo, Poder360 e Projeto #Colabora juntam-se a Agência Lupa, Agência Pública, Jota, Nexo, Nova Escola, Ponte e Repórter Brasil para organizar o festival. Neste ano, o Festival 3i será realizado nos dias 18, 19 e 20 de outubro no Rio de Janeiro.

O evento também ficou maior: desta vez, o Festival 3i será realizado na Fundição Progresso, com mais lugares disponíveis. Os ingressos começam a ser vendidos online no dia 19 de agosto. Outra novidade é que o festival terá três dias de duração, um inteiramente dedicado à realização de workshops dados pelas organizações do conselho curador e também pelos patrocinadores do evento. Como sempre, convidados internacionais que estão inovando nos seus meios estarão presentes.

O Festival 3i tem como parceiro desde sua fundação o Google News Initiative. Para a edição de 2019, anunciamos também uma parceria com o Facebook.

“O Festival se torna maior e mais representativo da nova geração de meios digitais que estão causando uma verdadeira revolução no cenário jornalístico brasileiro”, comenta Natalia Viana, codiretora da Agência Pública, e secretária executiva do Festival 3i.

Para a edição de 2019, o conselho do 3i está preparando uma palestra de abertura para a sexta-feira. Serão realizados workshops e oito mesas de debate — quatro no sábado e quatro no domingo — sobre os desafios mais atuais do jornalismo, com exemplos de experiências inovadoras.

“Como sempre, o Festival é internacional, e traremos algumas das melhores cabeças que estão inovando e trazendo soluções para problemas de quem faz jornalismo no nosso tempo — vale para as redações nativas digitais e também para quem está em veículos tradicionais e está interessado nas novidades tecnológicas”, conta Natalia. A programação do Festival 3i será divulgada no dia 19 de agosto, quando for iniciada a venda dos ingressos.

A primeira edição do Festival 3i foi em 2017, também no Rio de Janeiro, e teve convidados como a americana Claire Wardle, diretora do First Draft News; a vencedora do prêmio Pulitzer Angie Holan, do Politifact, o maior site de checagem do mundo; Daniel Valencia, do premiado site El Faro de El Salvador; e o ator Gregório Duvivier, que apresenta o Greg News no canal HBO, primeiro jornal satírico da tevê brasileira.

Em 2018, o 3i viajou pelo Brasil em edições menores, com apenas um dia de duração. As edições regionais do 3i foram realizadas em Belo Horizonte, Porto Alegre e Recife, sempre em parceria com universidades.

QUEM FAZ

((o)) eco
Criado em 2004, (o))eco é um site dedicado ao jornalismo ambiental, em especial temas de conservação ambiental como áreas protegidas, biodiversidade e desmatamento. Nós nos declaramos a voz dos bichos e das plantas e das pessoas que querem protegê-los. Temos como uma das nossas missões informar e fomentar público para o debate ambiental brasileiro.

https://www.oeco.org.br/

Agência Lupa
A Lupa é a primeira agência de notícias do Brasil a se especializar na técnica jornalística mundialmente conhecida como fact-checking. Desde novembro de 2015, sua equipe acompanha o noticiário diário para corrigir informações imprecisas e divulgar dados corretos. O resultado desse trabalho é vendido a outros veículos de comunicação e também publicado no próprio site da agência.

Em 2 de abril de 2017, a Lupa lançou o programa LupaEducação – uma iniciativa inovadora que tem por objetivo capacitar cidadãos em técnicas de checagem, e isso fez com que a agência se transformasse na primeira do Brasil a oferecer treinamentos em verificação.

A Lupa integra a International Fact-Checking Network (IFCN), rede mundial de checadores reunidos em torno do Poynter Institute, nos Estados Unidos, e segue à risca o código de conduta e princípios éticos do grupo.

https://piaui.folha.uol.com.br/lupa

Agência Pública
A Agência Pública foi fundada em 2011 por jornalistas mulheres e tem como missão  produzir reportagens de fôlego pautadas pelo interesse público, sobre as grandes questões do país do ponto de vista da população – visando o fortalecimento do direito à informação, à qualificação do debate democrático e a promoção dos direitos humanos. Em 2018, nossas reportagens foram reproduzidas por mais de 700 veículos, sob a licença creative commons. A Pública também atua para promover o jornalismo investigativo independente através de programas de mentoria para jovens jornalistas, bolsas de reportagem e com a Casa Pública, o primeiro Centro Cultural voltado ao jornalismo no Brasil, no Rio de Janeiro. A Agência Pública ganhou mais de 40 prêmios nacionais e internacionais, como o Prêmio Vladimir Herzog,  Prêmio República e Prêmio Gabriel García Marquez. Em 2016, foi o terceiro veículo mais premiado do país, e o primeiro veículo brasileiro indicado ao Prêmio Liberdade de Imprensa, da organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF).

https://apublica.org/

Congresso em Foco
Veículo jornalístico online, atualizado diariamente, especializado na cobertura do Congresso Nacional e da política. No ar desde fevereiro de 2004, o Congresso em Foco também atua nas áreas de organização de eventos e produção de pesquisas e análises. Embora tenhamos nascido como meio digital, e crescido prioritariamente assim, também atuamos na área do impresso. Publicamos um livro (esgotado) sobre o perfil da legislatura 2007/2011 e criamos uma revista impressa que se encontra na 31ª edição.

https://congressoemfoco.uol.com.br/

ÉNois
A Énois é um laboratório de jornalismo cívico. Em 2009 criou a Escola de Jornalismo que hoje forma anualmente jovens das periferias de SP. Além da formação, temos uma agência que produz reportagens em parceria com veículos como UOL TAB, Intercept, BBC, The Guardian e outros. E realizamos encontros como o Redação Aberta, um programa que aproxima jornalistas e comunidades periféricas para melhorar a cobertura local.

https://enoisconteudo.com.br

JOTA
JOTA fornece informações de qualidade, com análise e contexto, a um público profissional que precisa tomar decisões estratégicas constantemente com base nas movimentações dos três poderes.

https://www.jota.info/

Marco Zero Conteúdo
A Marco Zero Conteúdo é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, que tem por objetivo qualificar o debate público promovendo o jornalismo investigativo e independente. Desde junho de 2015, quando o site entrou no ar, a Marco Zero já publicou mais de 1000 conteúdos jornalísticos comprometidos com a linha editorial focada na defesa dos direitos humanos, na democracia, nas questões de gênero e identitárias, além dos temas relacionados ao direito à cidade e à ocupação econômica, social e cultural do território.

marcozero.org

Nexo
O Nexo é um jornal digital, lançado em novembro de 2015, com o objetivo de trazer contexto às notícias e ampliar o acesso a dados e estatísticas. Sempre de forma inovadora e a partir de conteúdos amplos e instigantes, sua produção editorial privilegia o rigor e a qualidade da informação. Desde a sua fundação, o Nexo tem como principal motivação produzir um jornalismo que contribua para um debate público qualificado e plural, e que seja capaz de fortalecer a democracia brasileira.

https://www.nexojornal.com.br/

Poder360
O Poder360 é um veículo de jornalismo profissional, nativo digital. É o principal jornal digital dedicado à cobertura do poder e da política nacional com sede em Brasília, capital da República.

https://www.poder360.com.br/

Ponte Jornalismo
A Ponte Jornalismo é um veículo de comunicação independente, fundado em março de 2014 e organizado como uma associação privada sem fins lucrativos. Nossa missão é defender os direitos humanos por meio de um jornalismo independente, profissional e com credibilidade, promovendo a aproximação entre diferentes atores das áreas de segurança pública e justiça, com o objetivo de colaborar na consolidação da democracia brasileira. Nos seus primeiros cinco anos de existência, firmou-se como um dos principais veículos nativos digitais de jornalismo do Brasil e o único focado em segurança pública e direitos humanos.

https://ponte.org

Projeto #Colabora
O  #Colabora é um projeto de jornalismo independente com foco em sustentabilidade, no seu sentido amplo, tendo como base os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODSs). Acreditamos que o planeta só será sustentável se conseguir resolver, além dos problemas ambientais, suas mazelas sociais. O projeto existe há 3 anos e, apesar de estar sediado no Rio, procura fazer uma cobertura nacional. Temos uma newsletter diária que funciona como uma espécie de curadoria de temas e coberturas ligadas à sustentabilidade. Também estamos no YouTube, no Twitter, no Facebook, no Instagram e no Linkedin.

https://projetocolabora.com.br/

Repórter Brasil
A Repórter Brasil é uma agência de jornalismo investigativo, fundada em 2001, que denuncia violações de direitos humanos, trabalhistas e socioambientais no país. Especializada na cobertura sobre trabalho escravo e em investigação das cadeias produtivas de setores do agronegócio, a organização também investiga a indústria farmacêutica e os diversos impactos do crescente uso dos agrotóxicos nas plantações brasileiras, entre outros.

https://reporterbrasil.org.br

Compartilhe:

Sobre o autor

Deixe um comentário