Troça Empatando Tua Vista faz prévia pelo Direito à Manifestação

0

Foliões ativistas realizam a prévia da Troça Carnavalesca Mista Público Privada Empatando Tua Vista, no próximo sábado (13), a partir de 12h, na Rua do Sossego, na Boa Vista. Além da “gréia” com os prédios gigantes que desfilam e atrapalham a vista de quem quer brincar carnaval, haverá a leitura de um “Manifesto Político-folião” pelo direito à liberdade de expressão e manifestação. Movidos pelo mesmo desejo de quando criaram a troça há quatro anos, os organizadores informam que a festa deve “mostrar às pessoas, em um momento no qual estão mais propensas a aceitar brincadeiras, o quanto as torres construídas por toda a cidade atrapalham as nossas vidas”.

Nos últimos dois anos as intervenções da Troça no desfile de carnaval do Galo da Madrugada foram reprimidas arbitrariamente pela Dircon (2016) e pela PMPE (2016/2017).  Fantasias, alegorias e o estandarte do grupo foram apreendidos sob justificativa de que precisariam de alvará para o uso dos adereços. Para as e os manifestantes, o objetivo das operações era impedir performance no “Café da Manhã do Prefeito”. Eles cobram até hoje transparência sobre quem deu a ordem para tais ações.

O evento político festivo “Empatando Teus Direitos, a festa!” pretende reunir apoiadores da causa do bloco – contra a especulação imobiliária e pelo direito à cidade – e também quem ainda não conhece o movimento.

IMG_9316Perseguição não esquecida
Os integrantes da Troça têm ações encaminhadas contra os episódios de 2016 e 1017, mas já preveem nova perseguição neste ano. Por isso, aproveitarão a prévia para divulgar próximas ações e atualizar a população sobre os processos de indenização em aberto. Para 2018, antes mesmo da brincadeira, tiveram que providenciar um habeas corpus preventivo “para tentar garantir por via judicial o direito à livre manifestação”.

Mais “torres”, menos violações à liberdade de expressão
O evento também terá uma oficina para confecção das “torres” de forma mais simples. O objetivo é trazer mais pessoas para as intervenções políticas e carnavalescas, fortalecendo a causa.

O folião Fernando Ribamar, integrante da Troça, brinca que o projeto ‘Minha torre, minha vida’ quer popularizar as torres-fantasias”, mas fala sério quando convida mais foliões a participarem “na ação greística no Galo da Madrugada, visando coibir eventuais ações arbitrárias do Poder Público”.

Compartilhe:

Sobre o autor

Deixe um comentário